Chegou um novo benefício para você SINDAFEP Seguros - Conheça todas as vantagens. Faça já sua cotação.

Notícias

Imagem

Três razões para apostar na vitamina C na rotina de pele madura

Todo mundo já ouviu falar que a gente deve incluir uma boa dose diária de vitamina C na dieta para manter a saúde em dia. Mas você sabia que a nossa pele também pode se beneficiar muito com essa substância aplicada diretamente sobre ela como tratamento? A vitamina C é um superantioxidante e um dos ingredientes mais potentes para manter a pele macia, uniforme, além de combater o envelhecimento precoce e dar aquele "glow" que a gente tanto ama e sente falta depois dos 45 anos.

Eu mostrei recentemente minha rotina de pele no meu perfil no Instagram contei sobre minha experiência com produtos à base da vitamina que comecei a usar há três anos, aos 47. A diferença no aspecto da pele foi impressionante após um mês de uso contínuo. E surgiram muitas dúvidas: "será que serve para qualquer tipo de pele?"; "A vitamina não causa irritação?".

Conversei com a dermatologista a dermatologista Verônica Tariki, membro Sociedade Brasileira de Dermatologia, que deu dicas de como usar a vitamina e quais os benefícios e cuidados.

1. Vitamina C protege dos danos do sol e poluição

Os radicais livres formados a partir dos raios ultravioleta sobre a pele e também dos elementos tóxicos da poluição são responsáveis pelos maiores danos que causam o envelhecimento da pele. A vitamina C tem a capacidade de limitar o estrago que esses radicais livres causam nas células da pele. Você já reparou que, quando colocamos gotas de limão sobre uma maçã recém-cortada, ela demora mais tempo para amarelar? Esse é mais ou menos o efeito antioxidante que a vitamina C causa na pele (falando grosseiramente). Ela deve ser usada antes de aplicar o protetor solar (mas jamais deixe de usa-lo) logo pela manhã.

2. Vitamina C ajuda na produção de colágeno

A vitamina C tem um papel importante na produção de colágeno que diminui conforme envelhecemos. Essa falta de colágeno causa perda da elasticidade, flacidez e linhas de expressão. Neste caso usar a vitamina topicamente ajuda a pele a ter abundância da vitamina como ingrediente para essa produção de colágeno. Não vai trazer seus 20 anos de volta, não é milagre, mas nesta fase da vida toda ajuda para nosso corpo produzir colágeno é mais que bem-vinda, né?

3. Vitamina C uniformiza a aparência da pele e dá um efeito "glow"

Vitamina C tem um efeito anti-inflamatório, o que na prática significa que ela ajuda a pele a ficar com menos vermelhidão. Manchinhas causadas por espinhas e sol também tendem a clarear com o uso da substância, deixando a pele com aparência mais uniforme. Aquela aparência de pele opaca que temos na maturidade também melhora muito (foi nesse quesito que mais vi resultado, um glow que há muito tempo não tinha na minha pele).

Como usar a vitamina C

Procure versões na seção de dermocosméticos da farmácia (marcas como La Roche Posay, Vichy, Skinceuticals e Dermage, por exemplo, estão nessa categoria), que costumam ser os mais potentes. Confira sempre o rótulo. Quanto maior concentração, mais caro o produto, em geral. E nada de e deixar o frasco por meses sobre a pia banheiro. A substância oxida muito facilmente em contato com o ar e perde a eficácia (guarde em ambiente bem fechado e escuro).

A maior parte dos produtos são em forma de sérum com concentração de vitamina C de 10 a 20%. É aconselhável aplicar na parte interna do braço inicialmente e esperar 24 horas para observar se não há irritação antes de aplicar no rosto.

Depois de lavar o rosto pela manhã, aplique a vitamina C antes de qualquer outro produto. E depois siga com seu hidratante e protetor solar por cima. A vitamina é segura para todos os tipos de pele, mas sempre vale a pena testar e começar com uma concentração menor (10%) e depois aumentar até 15% para evitar irritação. E, claro, como sempre, consulte seu dermatologista

Fonte: UOL

Categorias:

Comente esta notícia

código captcha